Capa - Tudo o que ela quer

Então, gentem, já contei pra vocês todas as reviravoltas e tragédias da vida pra uma década, por isso vou tentar só dar notícia boa daqui pra frente. Porque eu tô totalmente relax - e pretendo ficar assim por muito tempo - e gente relax só tem notícia boa pra contar. Eu acho. Não sei. Vamo descobrir!

A primeira notícia boa é que TUDO O QUE ELA QUER vai sair SIM! A segunda é que está mais perto do que longe! A terceira é que a diagramação está completa e a capa está apenas passando por uns ajustes finais até o livro ficar prontinho!

Ainda estou tentando decidir que parte do meu corpo vai ser vendida pra pagar a tiragem da gráfica, mas volto aqui pra contar assim que essa parte estiver certinha também. Talvez a versão digital acabe saindo um pouquinho antes, mas, porque eu sempre sonhei em fazer uma piscina com todos os exemplares de TQEQ e me jogar em cima, já estou garantindo que tem versão física no caminho também.

Mas, enquanto o livro não sai, vamo para mais uma parte feliz do meu dia: a capa nova! Tã-dã:



A designer salvadora diva maravilhosa foi a Gabriella R. E eu to mega feliz com o resultado. Porque todo autor acaba querendo uma imagem que represente todos os aspectos do livro. TQEQ é meio louco, mas é divertido. É feliz, mas tem umas partes mais depressivas vez ou outra. Vai fazer você ficar triste, com raiva, chocado... Enfim, tem um pouco de tudo. E isso é praticamente impossível de representar em uma só imagem.

Então vem aquela partezinha sofrida que a gente passa: pensar que uma capa não precisa ser 100% fiel à história. Ela precisa chamar atenção. Ponto final. É quase como dizer: seu livro e sua capa são duas coisas diferentes mas que se completam.

E eu nunca imaginei uma capa muito melancólica tipo "garota de costas caminhando na neblina" ou coisa assim. Sempre pensei que a história merecia uma coisa mais ousada, chamativa. Meio louca e divertida, mas ao menos um pouquinho bucólica. E acho que foi assim que eu e a Gabriella chegamos até aqui!
 
Eu fico olhando para a foto e imediatamente dá vontade de soltar uma risadinha. Porque eu sei que Sara Montezuma aprovaria. Pra quem não sabe, o pai da Sara tem um Bel Air 57 vermelho de colecionador que ela vive roubando e saindo por aí, então uma cena como essa... deve ser só mais uma tarde de quinta-feira pra ela!

Agora é só esperar pela capa completa e começar os trabalhos... Espero que tenham gostado também! Wish me luck e até a próxima!

Nenhum comentário